O email marketing deve ser uma parte essencial do sucesso da sua pequena empresa em 2021.

Além de ter o maior ROI de todos os esforços de marketing (impressionantes  ganhos de $38 para cada $1 gasto), o email marketing oferece à sua pequena empresa a chance de se manter conectada facilmente com seu público e chamar a atenção para seu site, serviços e produtos. E com 49 por cento das pessoas querendo receber emails promocionais de empresas pelo menos uma vez por semana, você não precisa se preocupar em ultrapassar seus limites ao entrar em contato.

Obviamente, propor uma estratégia de email marketing e cumprir suas metas de desempenho com essa estratégia são duas coisas muito diferentes. Apesar da crescente onipresença do email marketing, 77 por cento das pequenas empresas relatam taxas médias de cliques entre apenas zero a 10 por cento.

Não existe segredo para dominar o jogo com suas campanhas de email. No entanto, existem algumas dicas importantes para pequenas empresas que podem ajudá-lo a montar uma estratégia de email marketing para se manter à frente da concorrência. Aqui estão algumas delas que você precisa conhecer.

1. Automatize seu processo de email marketing

A automação de email marketing é a melhor solução que conhecemos para enviar emails eficazes ao operar com uma equipe pequena e um orçamento limitado. Seja você B2B ou B2C, contatando 100 ou 10.000 pessoas, a plataforma de automação certa será capaz de ajudá-lo a otimizar seus processos, segmentar seu público e colocar seus dados de relatórios em uso para insights para melhorar suas conversões – tudo isso exigindo menos esforço de você no final.

Existem muitas soluções de automação de email marketing, então comece descobrindo os recursos essenciais de que você precisa e quanto pode gastar. Isso ajudará você a escolher uma plataforma que se adeque perfeitamente à sua pequena empresa.

2. Dê prioridade a suas linhas de assunto

As primeiras impressões são tudo no marketing, e isso vale em dobro para email marketing. Se você não chamar a atenção de alguém com a linha de assunto de seu email, é improvável que essa pessoa abra sua mensagem.

Algumas regras para criar uma linha de assunto perfeita:

  •   Seja curto, rápido e vá direto ao ponto
  •   Adicione um pouco de urgência
  •   Se esforce para gerar alguma emoção na pessoa que estiver lendo
  •   Certifique-se de que a linha de assunto esteja relacionada com o conteúdo do seu email

Você também deve evitar linhas de assunto totalmente em LETRAS MAIÚSUCULAS, já que essas tem maiores chances de te levarem a caixa de spam.

3. Construa sua lista de contatos de forma orgânica

Compreendemos a tentação de comprar endereços de email, especialmente quando você está tentando aumentar sua lista rapidamente. No entanto, essa tática certamente sairá pela culatra, deixando você com endereços falsos, destinatários desinteressados e uma grande chance de ser sinalizado por diferentes provedores de email como um remetente que envia spam.

Tenha uma melhor abordagem: aumente sua lista forte e sustentável de contatos opt-in (pessoas que autorizaram você a enviar emails a elas), completa apenas com pessoas que realmente querem ouvir e se envolver com sua marca.

4. Segmente seu público

Conforme seus clientes em potencial avançam no funil de vendas, suas necessidades, perguntas e preferências de conteúdo vão ficando diferentes. Certifique-se de estar atingindo as pessoas certas com a mensagem certa ao segmentar sua lista de contatos para garantir que seus destinatários obtenham mais do que querem e menos do que não é do seu interesse.

Além de segmentar seus contatos pela etapa do funil em que se encontram, você também pode considerar a segmentação por localização geográfica, cargo ou setor – tudo que o ajudará a abordar seu público de maneira mais personalizada para aumentar suas taxas de conversão.

5. Descubra a frequência de envios ideal

Há um ponto ideal para definir a frequência com que seus contatos de email marketing desejam ouvir você, e cabe a você encontrá-lo.

A maioria das marcas envia emails promocionais de 1 a 4 vezes por mês. Essa quantidade depende da coleta de dados sobre suas próprias taxas de abertura e outras taxas de conversão, e também ao fato de que a maioria dos seus assinantes não quer emails super frequentes – mesmo que gostem da sua marca.

Faça alguns testes para determinar o que funciona para sua pequena empresa, testando diferentes frequências para ver qual delas oferece as melhores aberturas, cliques e taxas de conversão. Faça ajustes em como você gerencia suas campanhas de email com base em suas descobertas e continue acompanhando os resultados.

6. Brinque com o formato de sua campanha

Seus leitores são ocupados. Um email que é apenas um monte de texto na página provavelmente não prenderá a atenção deles por muito tempo, nem ajudará você a manter o engajamento ao longo do tempo.

Em vez disso, diversifique seu formato dividindo a mensagem com imagens, vídeos, bordas e botões. Muitas plataformas de automação de email marketing oferecem toneladas de modelos de email criativos para você escolher, deixando você apenas preencher as lacunas com seu conteúdo.

7. Certifique-se de que seu Call-To-Action se destaque

Você sabe o que é Call-To-Action (CTA ou chamada à ação)? Ele é simplesmente a parte mais importante do seu email. Em todo email que enviar, você deve ter enfoque em uma ação que você quer que seus contatos executem, geralmente o clique em um link para comprar um produto, preencher um formulário, visitar seu site, etc.

Por isso, você precisa ter certeza de que as pessoas realmente vejam seu CTA – e que entendam o que você está pedindo que façam. Faça Testes AB de diferentes posicionamentos, palavras e estilos de CTA para ver o que gera mais conversão por parte de seus assinantes. Depois de saber o que funciona, você pode adaptá-lo para mensagens futuras.

Sua pequena empresa pode ter sucesso com email marketing! Siga as dicas acima para aumentar seus esforços e garantir melhores resultados.