Ter um formulário HTML é essencial para a sua estratégia de inbound marketing. Se usados estrategicamente, eles podem transformar visitantes frequentes do seu site em Leads. Você pode então nutrir e eventualmente converter esses leads clientes. Além disso, se você é uma das 63% das empresas que relatam que a geração de tráfego e leads é seu maior desafio de marketing. Seria difícil encontrar um motivo para não usar um formulário HTML em seu site.

Como qualquer boa estratégia de email marketing, os formulários de inscrição devem ser criados e utilizados da maneira correta para se obter resultados positivos. Continue lendo nosso guia básico de formulário HTML para desvendar o assunto. Vamos mostrar os 3 tipos mais comuns de formulários para sites. Você também irá aprender onde eles devem ser inseridos em seu site e como ter certeza de que eles têm sido eficazes.

guia basico de formularios html

Tipos de Formulário HTML

Atualmente, 74% das empresas com presença online estão utilizando formulário HTML para geração de leads. Além disso, praticamente metade delas cita os formulários como a ferramenta de melhor desempenho para tal. Nada mal para algo que é super fácil de configurar e manter ativo em seu site, não é mesmo?

Existem 3 tipos principais de formulário HTML para sites e cada tipo tem o mesmo propósito: Te ajudar a gerar leads. No entanto, eles fazem isso de maneiras diferentes:

Formulários Incorporados

São formulários estáticos e fixos em um lugar permanente do seu site, geralmente em um rodapé ou coluna lateral. Você pode conferir um exemplo nesta mesma página do nosso blog, onde mantemos um formulário de inscrição da nossa newsletter na coluna à direita.

Formulários HTML com Proposta de Valor

São formulários que oferecem gratuitamente ferramentas ou conteúdos de valor em troca de informações de contato de um usuário. Como exemplo temos os formulários em landing pages que desbloqueiam materiais logo após a confirmação de inscrição. No Brasil, esses conteúdos muitas vezes são chamados de “isca digital”.

Formulários Pop-up

Esses formulários “surgem” em algum lugar da página em um momento ou local pré determinados. Eles são utilizados para chamar a atenção do usuário numa situação considerada oportuna. Você pode incluir, por exemplo, um formulário pop-up na página inicial de sua loja virtual. No texto do cabeçalho do formulário você pode oferecer um desconto na primeira compra para aqueles que se inscrevem em sua lista.

Um formulário HTML pode ser útil em todas as fases da jornada de compra. Todos eles certamente oferecem uma utilidade no processo de geração de leads. Mas diferentes tipos de formulários podem ser mais úteis em determinados momentos do que outros. Além disso, podem oferecer benefícios adicionais. Por exemplo, embora um formulário incorporado possa chamar a atenção nos estágios de consciência, consideração e decisão, os formulários pop-up tendem a ter mais impacto no estágio de decisão, quando os usuários já interagiram com seu site e decidiram que gostaram do que foi visto lá.

Onde os Formulários Devem Ficar Localizados em um Site

Tão importante quanto utilizar um formulário HTML é se certificar de incluí-lo no lugar certo.

Pesquisas sobre o comportamento do consumidor nos mostram que as pessoas têm maneiras bem distintas de ler e interagir com as páginas da internet. Para obter o máximo proveito de seus formulários de inscrição, é importante colocá-los em algum lugar que acompanhe de forma lógica o layout de sua página. Além é claro de fazer sentido de acordo com o nível atual de engajamento dos usuários.

Pode parecer que incluir seu formulário no topo da página inicial é a melhor maneira de chamar a atenção. Mas os usuários que acabaram de acessar sua página podem não se sentir prontos ou seguros ainda a ponto de fornecer suas informações de contato. É por isso que você geralmente verá formulários incorporados no rodapé ou em uma barra lateral. Ambas essas posições sugerem que já houve alguma interação na página.

Formulários com proposta de valor e formulários pop-ups não possuem regras tão rígidas assim. Em todos os casos, no entanto, você pode testar diferentes posicionamentos. Assim você verá por conta própria onde seus formulários têm maior impacto.

Como se Certificar de que seu Formulário HTML é Eficaz

Por último, mas não menos importante, vamos falar sobre o que torna o formulário HTML de um site eficaz.

O elemento básico, é claro, é o texto (ou copy). Ele deve ser bem escrito e conciso, sendo muito claro em seu propósito. Ou seja, não diga que você está coletando as informações para uma coisa e depois utilize-as para outra.

Você raramente vai conseguir algo de graça. Certifique-se de estar oferecendo algo de valor em troca das informações de contato de alguém. Veja abaixo alguns exemplos:

  • Inscrição em sua newsletter
  • Download de um ebook, guia, relatório de pesquisa, etc.
  • Inscrição para um webinar ou curso online
  • Inscrição para receber uma demonstração ou uma consulta

A partir daí, cumpra com o que você prometeu. Novamente, enganar seus contatos prejudicará a integridade de sua marca e criará uma má impressão aos seus novos leads. Isso é algo que pode ser muito difícil de se recuperar. Ao contrário, você pode valorizar cada novo lead enviando um email de boas-vindas. Os emails de boas-vindas têm uma taxa média de abertura de 82%, portanto, aproveite para incluir conteúdos que impulsionam a conversão.

Por fim, se o formulário não for utilizado para cadastros em sua newsletter, inclua uma maneira de os usuários aceitarem receber seus emails (ou seja, inscrições opt-in), fornecendo os dados pessoais para outra finalidade. O opt-in é uma característica essencial para o email marketing e os formulários de inscrição são um lugar fantástico para coletar contatos. Então você pode incluir uma caixa na parte inferior do formulário onde os usuários podem marcar ou não se querem receber sua comunicação com mais frequência.

Conclusão

Os formulários facilitam a coleta de leads e torna mais fácil para clientes em potencial sinalizarem para você que estão interessados em sua marca. Utilize isso com sabedoria e você não precisará se preocupar em investir todo o seu tempo na geração de leads.